Avião faz pouso forçado em rodovia, diz PRF

Um avião fez um pouso forçado na manhã deste sábado (8) na Rodovia Régis Bittencourt, em Juquitiba, Grande São Paulo, segundo informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

De acordo com a PRF, duas pessoas que estavam dentro da aeronave de instrução modelo Cessna Aircraft, o piloto e um aluno, e ficaram feridas durante o pouso. Equipes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar (PM) e ambulâncias da prefeitura de Juquitiba foram acionadas. O aluno sofreu ferimentos leves e foi encaminhado para o Hospital Geral de Itapecerica da Serra. O instrutor não precisou de atendimento hospitalar.

A Polícia Rodoviária Federal informou que o piloto percebeu uma falha na aeronave e procurou um local seguro para fazer o pouso forçado. “A aeronave saiu do aeroclube de Itanhaém/SP com destino a Sorocaba/SP, e por motivos ainda não identificados, efetuou um pouso de emergência na rodovia Regis Bittencourt”, diz o comunicado.

Mas, de acordo com os policiais, a aeronave teve um problema antes de chegar ao destino, obrigando o piloto a fazer um pouso de emergência.

A Aeronáutica irá apurar as causas e eventuais responsabilidades pelo pouso forçado da aeronave. A Força Aérea Brasileira (FAB) foi procurada pela reportagem e divulgou uma nota informando que o Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa IV) foi ao local para periciar o avião.

Na Ação Inicial são utilizadas técnicas específicas, conduzidas por pessoal qualificado e credenciado que realiza a coleta e a confirmação de dados, a preservação dos elementos, a verificação inicial de danos causados à aeronave, ou pela aeronave, e o levantamento de outras informações necessárias à investigação”, informa trecho do comunicado da FAB.

A aeronave é um modelo Cessna 152, fabricada em 1978. Sua situação está regular.

De acordo com a Arteris, concessionária que administra a Régis Bittencourt, por causa do pouso da aeronave, um trecho do km 326 da via, no sentido à capital de São Paulo, foi interditado totalmente para o trânsito por volta das 10h20. Após duas horas de interdição, a pista foi liberada às 12h20.

O avião permanecia no acostamento aguardando perícia até a última atualização desta reportagem, e o trânsito fluía normalmente.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *