foguete do Exército caiu foi coberto com lona por militares 

Imagens que circulam nas redes sociais mostram o lançamento do foguete do Exército Brasileiro saindo da rota programada. Ele caiu em uma plantação de Formosa e assustou lavradores que trabalhavam no local.

A Polícia Civil e o deputado federal José Nelto (Podemos), que tem uma fazenda na cidade, confirmaram que a gravação é do disparo feito na quarta-feira (11) e levou ao acidente.

Apesar do susto, ninguém se machucou, como contou o trabalhador Enilson dos Santos Gomes:

“EU VI O FOGUETE VINDO, ACHEI QUE IA CAIR NA ÁREA DO EXÉRCITO, MAS CAIU PRÓXIMO À GENTE. UMA DISTÂNCIA DE MAIS OU MENOS UNS 100 METROS. FOI UM TREMOR BEM FORTE, NA HORA A GENTE SÓ PULOU NO CHÃO E DEU GRAÇAS A DEUS QUE A GENTE PÔDE LEVANTAR COM VIDA”.

A situação aconteceu na quarta-feira (11). Segundo o Exército, o foguete desviou da rota programada, mas todas as medidas de segurança foram tomadas. A corporação também informou que investiga o que levou ao acidente.

Imagens aéreas feitas no local mostram que militares colocaram uma lona sobre o local da queda do foguete.

Dono da propriedade, o fazendeiro João Gouveia disse que ouviu tudo e pensou que um avião havia caído. Ele contou ainda que os funcionários, assustados, o chamaram pelo rádio para ir ao local.

“EU VI QUE ELES ESTAVAM SOLTANDO MÍSSEIS. OUVI UM BARULHO MUITO ALTO, PENSEI QUE FOSSE UM AVIÃO QUE ESTAVA PASSANDO, AÍ OUVI O IMPACTO. PENSEI QUE TINHA CAÍDO UM AVIÃO. LEVANTOU POEIRA DEMAIS”, COMENTOU.

O deputado informou que vai chamar representantes do Exército para prestar esclarecimentos sobre o que aconteceu. “É muito grave. Poderia ter atingido alguém”, disse o parlamentar.

Fonte: G1