sexta-feira, 17 de agosto de 2018
Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3

Recados

Deixe seu recado

 
 
 
 
 
 
Campos marcados com * são obrigatórios.
Seu endereço de e-mail não será publicado.
Por razões de segurança nós salvamos o seu endereço de IP: 54.162.171.242.
Pode ser que sua mensagem só se torne visível depois que revisarmos.
Nos reservamos no direito de editar, deletar ou não publicar as mensagens.
74 entries.
paulino lopes escrito em 15/08/2018 at 16:08:
E a "Farra" dos Cargos Comissionado, Contratações Irregular. NEPOTISMO, no Poder de municípal, só quem não encherga é o MPE. Justamente o órgão que fiscaliza a aplicação da Lei.
paulino lopes escrito em 12/08/2018 at 11:49:
OUTRA NOVELA INTERMINÀVEL EM MARECHAL DEODORO, È A DO CONCURSO PÚBLICO. A sociedade está esperando a quase dois anos a realização do concurso em Marechal Deodoro, mais não existe nem sinal de vida, apesar de existir um TAC assinado com o ministério Público, Prefeitura, Câmara Municipal e o SAAE, para a realização do mesmo (agosto de 2.017) e nada acontece. Ficamos indiguinados, pela omissão ou benevolência do MPE em não tomar atitudes sérias e efetivas em relação ao caso. Todos sabem que a Constituição Federal determina que ingresso no serviço publico só através do concurso, com raras exceções. Mais o que se ver em Marechal Deodoro é o uso abusivo de Cargos Comissionados, contratações irregulares, contratos temporários, sem obedecer o que determina a legislação e por aí vai. Talvez isso aconteça após o processo eleitoral, ou lá para o ano 2.021. E A TRANSPARÊNCIA PÚBLICA, com a informação em tempo real, como determina a lei.
paulino lopes escrito em 12/08/2018 at 11:19:
A NOVELA DA PAVIMENTAÇÃO DA PISTA QUE LIGA TAPERAGUÁ AO POv PEDRAS.
Várias licitações, 3 anos do inicio das obras, que começou na administração passada, 3 empresas de construção civil, onde duas entregou a obra só no início dos trabalhos, e a terceira continua a passos de tartaruga, sem previsão para terminar, o custo da obra ninguém sabe e muito menos os prejuízos causado pela desistência das empresas, total falta de TRANSPARÊNCIA NA APLICAÇÂO DOS RECURSOS PÙBLICO e a mídia paga continua informando que os serviços continua em rítimo acelerado, parece brincadeira, mais é essa a realidade.
paulino lopes escrito em 17/07/2018 at 23:35:
MARECHAL DEODORO, um canteiro de obras, obras nos quatro canto, alguém desinformado pode até achar graça nessa piada, porque o que esta aprovado no orçamento municipal de 2.017 e no orçamento de 2.018, está muito longe de alcançar 10% (dez por cento) do total que foi aprovado e alocado os respectivos recursos financeiros para sua execução nas respectivas Leis Orçamentária e pouca coisa acontece. O que se observa são obras paralisada, em flagrante desrespeito aos recursos públicos em função do desperdício, obras intermináveis, que nada ou quase nada, contribuem para o desenvolvimento do município tendo em vista a sua insignificância. O que o município necessita são obras estruturantes inseridas no seu planejamento municipal, alocados os respectivos recursos orçamentários e que sejam realizadas. Apesar do município possuir a terceira maior arrecadação no estado, R$ 222.000.000,00, prevista para 2.018, não incluída as transferência extra-orçamentária, feita pelo governo federal, não presenciamos o município avançar em seu desenvolvimento. O pior de tudo, não existe um sistema de controle efetivo, um acompanhamento da execução orçamentária e muito menos, uma plena TRANSPARÊNCIA PÚBLICA na aplicação dos recursos financeiros.
JUVENAL SANTANA escrito em 13/07/2018 at 09:39:
Mesmo estando afastado por quase três meses dessa terrinha, mas afastado só das participações neste canal de notícias que ao que parece é o único que não está totalmente vendido ao prefeito. Assim mesmo continuo convivendo e participando das atividades, tomando conhecimento do que acontece e bisbilhotando a politicagem bem de perto, mesmo que com discrição. Prefiro ser discreto para poder ter acesso às informações sem despertar a ira dos que detém o poder.
Observando tudo e todos fico besta em ver como o povão é tolo em aceitar tanta falcatrua e se calar diante das migalhas que esses políticos dão. Ainda uso este site para colocar algumas críticas, por achar que ainda é o único que não se vendeu totalmente e ainda permite que se façam algumas críticas.
Aproveito a oportunidade para pedir aos deodorenses que abram os olhos e vejam quem realmente está ao lado do povo. E não é difícil porque são poucos.
paulino lopes escrito em 01/07/2018 at 16:14:
18 meses já se passaram e nada do concurso público em Marechal Deodoro! Continua a "farra" das suspeitas contratações, tidas como ilegais, pois não obedecem as regras determinada em leis que regulamentam o ingresso na administração pública. Os órgãos responsáveis pela aplicação e cumprimento da lei devia estar mais atento, e de uma vez por todas, acabar com esses abusos existentes, que prejudica em muito a todos os cidadãos em seus direitos.
paulino lopes escrito em 30/06/2018 at 15:09:
E O CONCURSO PÚBLICO EM MARECHAL DEODORO ??? 18 meses de espera e nada, nem o TAC assinado em conjunto com o MINISTÉRIO PÚBLICO foi respeitado pela Prefeitura Municipal e muitos menos, pela Câmara Municipal. Péssimo exemplo e o MPE não se pronuncia para nada, isso é uma afronta à sociedade, alguma atitude deverá ser tomada.
paulino lopes escrito em 14/06/2018 at 11:24:
TRANSFERÊNCIA DE RECURSOS - Governo Federal - Convênio nº 680552 - Sistema de Abastecimento de Água (rio ninquim) Ministério da Saúde. Valor total do convenio R$ 18.177.569,06. DATA DA ÚLTIMA LIBERAÇÃO 07/06/2.018. Valor R$ 5.453.270,72 (2° ETAPA). Elemento de Despesa - FUNDO A FUNDO. Fonte: Portal da Transparência do Governo Federal.
paulino lopes escrito em 11/06/2018 at 17:50:
Temos que acabar com a Corrupção, o Nepotismo, Contratos Irregulares, Funcionários Fantasma e a total falta da Transparência Publica no uso do dinheiro público, como também a total falta de fiscalização na aplicação dos recursos financeiros. Marechal Deodoro precisa mudar.
paulino lopes escrito em 10/06/2018 at 09:11:
Marechal Deodoro, necessita de uma administração AUSTERA, TRANSPARÊNCIA PÚBLICA total com a aplicação dos recursos público, acompanhada de um processo de fiscalização e controle, que não existe, valorização e respeito ao servidor público EFETIVO, que é o mais importante segmento da máquina administrativa e aí, poderemos almejar melhores dias para toda sociedade que tanto necessita. È bom lembrar que nosso indicadores sociais deixa muito a desejar e a sociedade dedorense fica muito dependente dessas gestões desastrosa que não conseguem melhorar a condição de vida da nossa população. È necessário a implantação de um novo modelo de administração no município, moderno e eficiente, para que possamos avançar no desenvolvimento Social e Econômico do nosso povo. Sem isso, continuaremos marcando passo, nesse eterno subdesenvolvimento e atraso social.