https://webradiojuventude.com/portal/wp-content/uploads/2023/07/Hosp-do-Coracao-728pxl-x-90pxl-1.pnghttps://webradiojuventude.com/portal/wp-content/uploads/2023/09/728x90-2CT-1.gif

A Defesa Civil do Paraná afirmou nesta terça-feira (29) que a parte da pista da BR-376 atingida por deslizamento de terra pode desabar. O desmoronamento foi no km 669, em Guaratuba, no litoral do estado, na noite de segunda-feira (28).

Duas pessoas morreram e seis já foram resgatadas com vida. Ao menos 15 carros e seis caminhões foram carregados pela terra que deslizou sobre a rodovia.

O mau tempo dificulta as buscas, que tiveram que ser interrompidas no fim da tarde desta terça.

De acordo com o Coordenador da Defesa Civil do Paraná, coronel Fernando Shunig, o trecho da rodovia está totalmente instável.

“Essa terra tem um peso muito grande sobre a pista, e uma pista que está sobre uma região suspensa, correndo o risco, inclusive, de desabar a pista. É um cenário muito complexo de ser trabalhado.”

O comandante do Corpo de Bombeiros do Paraná, coronel Manoel de Figueiredo Junior, complementou que o local tem alto risco de novos deslizamentos.

O geólogo Renato Lima, do Centro de Apoio Científico em Desastres da Universidade Federal do Paraná (Cenacid/UFPR), avalia que o trabalho de retirada da terra só deve engrenar quando parar de chover. Ele reitera que o monitoramento das encostas deve ser feito permanentemente.

g1