Secretário de Comunicação, Lininho Novais, representou o prefeito e destacou o trabalho em prol dos maceioenses

Secretário Lininho Novais (segundo esquerda para direita), ao receber o prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor.

O prefeito JHC concorreu e ganhou dois prêmios, nas categorias de Marketing Territorial e Setores Econômicos, com a campanha Maceió é Massa e Desburocratização, com o Projeto Desburocratiza Maceió, nesta segunda-feira (9), na XI Edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, no Hotel Ritz Lagoa da Anta. Agora, Maceió passa para a próxima etapa e irá concorrer em nível nacional, no dia 28 de junho em Brasília.

O evento tem como objetivo contemplar as iniciativas dos prefeitos e administradores regionais que transformam o ambiente de negócios, com projetos e resultados comprovados, que trazem mais facilidade e incentivo aos empreendedores locais.

De acordo com o secretário de Comunicação, Lininho Novais, a premiação é fruto do reconhecimento do trabalho de um prefeito jovem, que preza por uma gestão que cuida da população de Maceió.

“Ganhamos em duas categorias muito importantes. A de Desburocratização que mostra o trabalho excepcional que está sendo feito pela Secretaria de Economia, que tem à frente o secretário João Felipe. E a de Marketing Territorial com a Campanha Maceió é Massa, que sem dúvida nenhuma é uma campanha que tem resgatado o sentimento de pertencimento do povo maceioense, seja com a Cadeira Gigante, Capelinha do Jaraguá, seja com o totem ‘Eu amo o Jacintinho’ ou tantas outras ações que são feitas e desenvolvidas pela Prefeitura de Maceió”, destacou.

Durante o discurso, secretário Lininho Novais fez questão de ressaltar o sentimento de pertencimento que a gestão do prefeito JHC vem promovendo para os maceioenses. Foto: Itawi Albuquerque / Secom Maceió
Durante o discurso, secretário Lininho Novais fez questão de ressaltar o sentimento de pertencimento que a gestão do prefeito JHC vem promovendo para os maceioenses. Foto: Itawi Albuquerque / Secom Maceió

O secretário João Felipe explicou que o projeto de desburocratização, aparentemente simples, facilita demais a vida do empreendedor. “Quando o empreendedor abre um negócio agora em Maceió, ele é avisado por e-mail, é repassada a inscrição municipal, os contatos da Sala do Empreendedor e da Secretaria Municipal de Economia. É aquele olhar que olha para o empreendedor não simplesmente como um potencial gerador de tributos, mas como potencial agente de desenvolvimento econômico”, explicou.

Para Vinicius Lages, diretor técnico do Sebrae, é muito importante contar com a participação dos gestores dos municípios, que buscam melhorar a qualidade dos negócios locais e que podem contar com a ajuda de profissionais que são capacitados para ajudar no crescimento de seus empreendimentos.

“Nós decidimos estimular os municípios a investirem em pequenos negócios. Essa é uma campanha de incentivo ao desenvolvimento das pequenas empresas, não só em Alagoas, como em todo Brasil”, disse.

Marcos Vieira, que é superintendente do Sebrae Alagoas, destaca que esta é a 11ª edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor e para o Sebrae é um marco na retomada desta importante premiação que estava suspensa desde 2019, devido a pandemia provocada pela Covid-19.

“É uma grande honra reconhecer e premiar experiências que estão contribuindo para a melhoria do ambiente empreendedor nos municípios brasileiros. O prêmio valoriza as boas práticas dos governos municipais que estimulam a formalização, o desenvolvimento e a competitividade das micro e pequenas empresas, promovendo um desenvolvimento sustentável para o estado e, consequentemente, para o país”, apontou.

Os municípios poderiam se inscrever em até duas categorias. No total, 28 projetos, de 15 municípios, foram inscritos e distribuídos em oito categorias: Desburocratização, Sala do Empreendedor, Compras Governamentais, Empreendedorismo na Escola, Marketing Territorial e Setores Econômicos; Inovação e Sustentabilidade; Cooperação e Governança Regional e Cidade Empreendedora.

Secom Maceió