Após ser anunciada a ocupação de 92% dos leitos de UTI, o governo de Alagoas decidiu publicar novo decreto com medidas mais rígidas para frear o contágio da Covid-19 no estado.

O anúncio foi feito na tarde desta quinta-feira, 27, durante coletiva de imprensa realizada pelo governador Renan Filho, com a presença do secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, e do presidente da Associação dos Municípios de Alagoas (AMA), Hugo Wanderley.

De acordo com informações do governador Renan Filho, o que tem chamado atenção nesta fase é que mais jovens estão se internando com casos graves, inclusive evoluindo para óbito.

“Este momento da pandemia é de transformação considerável. Pela primeira vez, as pessoas mais jovens estão se contaminando mais. Algumas desenvolvem a maneira leve, que dá a sensação de que não desenvolvem a forma grave. Mas quando o quadro se agrava, levam mais tempo para se recuperar e muitas vezes, infelizmente, chegam a morte.  Antes, as pessoas mais velhas iam aos hospitais, se recuperavam rápido ou evoluíam rápido para o óbito. Hoje, estamos vivendo um momento diferente. Os jovens acabam passando 15, 20 ou 30 dias ocupando um leito devido a demora para recuperação”, disse o chefe do executivo estadual.

Hoje, Alagoas tem 400 leitos exclusivos de UTI e 1.425 leitos totais. Destes, 63% de todos os leitos estão ocupados, 92%, os de UTI e 54% de enfermaria.

Por conta da ocupação dos leitos, o estado segue na fase vermelha e alguns setores terão o horário de funcionamento modificado. As novas medidas restritivas passam a valer a partir da 0h desta sexta-feira, 28 e seguem até 23h59 do dia 10 de junho.

Confira as mudanças: 

O horário do toque de recolher continua das 21h às 5h;

Lojas localizadas nos bairros centrais das cidades funcionam de terça à sexta, das 9h às 17h, vendado o funcionamento nos fins de semana e às segundas;

Lojas de rua em outras regiões dos municípios, galerias e similares funcionarão das 10h às 18h, de terça à sexta, também serão fechadas sábado, domingo, feriados e segunda-feira;

Shoppings funcionarão das 11h  às 20h, vedada a abertura nos sábados, domingos,  terças-feiras e feriados;

Bares e restaurantes  devem funcionar das 5h às 20h, de segunda à sexta. O funcionamento no fim de semana será no modelo pegue e leve ou delivery;

O acesso a praias, rios, lagoas, bem como ao calçadão da orla, será fechado nos fins de semana, inclusive para prática de atividades físicas coletivas ou individuais;

Parques, teatros e cinemas voltam a fechar;

“Estamos fazendo esta alternância nos horários de funcionamento para reduzir o fluxo de pessoas nestes estabelecimentos e no transporte coletivo urbano. Também resolvemos fechar teatros, cinemas e parques, que foram abertos no último decreto, para preservar a segurança das pessoas e apresentar ao alagoano que estamos próximo de uma nova onda”, explicou Renan Filho.

AL24HS