Quatro pessoas foram presas por maus-tratos a animais, durante uma operação da Polícia Civil, nesta terça-feira, 4, na cidade de Paulo Jacinto, na região da Zona da Mata de Alagoas. Os nomes dos suspeitos não foram divulgados.
O delegado Leonam Pinheiro, informou que no local, um dos presos praticava relações sexuais com com uma cadela. O animal foi resgatado e devolvido à proprietária. Além disso, um suspeito foi conduzido à delegacia após ter arrastado um animal por cerca de 5 km amarrado em um cavalo. As informações são do TNH1.

“Realizamos hoje uma grande operação em Paulo Jacinto, que teve como intuito coibir diversas práticas de maus tratos. Conduzimos um criminosos que arrastou um animal por mais de 5 km em um cavalo”, explicou.

Outras três pessoas foram presas por promoverem rinhas de galo. O local foi fechado. Diversos animais foram encontrados lesionados, devido aos combates.

“Nós praticamos diversas ações para coibir maus-tratos a animais em Paulo Jacinto. Os presos foram conduzidos à delegacia. Desmantelamos mais de uma rinha de galo, que acontecia aqui como prática costumeira as apostas, lesionando seres vivos”, finalizou.

TNH1