Foto de deputada com ex-panicat gera polêmica em rede social

201605061429_dc63102bf8O registro, em um bar de Maceió, do encontro da deputada estadual Thaíse Guedes (PMDB) e com a ex-panicat Nicole Bahls gerou polêmica nas redes sociais. Isso porque a parlamentar apresentou um pedido de licença à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) na terça-feira (10) e, horas depois, foi flagrada em um bar localizado na orla de Ponta Verde. Em rede social, Nicole postou a foto ao lado da parlamentar, narrando a satisfação de tê-la no círculo de amigos.

A personalidade, que ficou conhecida por participar do programa de TV “Pânico”, esteve na capital alagoana com o namorado para aproveitar alguns dias de folga, conforme publicação do site Ego. Nicole e Thaíse teriam ido ao bar na última terça-feira, acompanhadas dos respectivos namorados.

Deputada negou que registro tenha sido feito no dia que apresentou pedido de afastamento

FOTO: Reprodução

“A foto está embaçada, mas o amor é eterno… já fiquei na torcida para deputada, agora estou na torcida para presidente do Brasil. Nunca conheci nenhuma pessoa tão bacana. (…) Jantar maravilhoso com o amor da minha vida e o casal mais top de Maceió”, escreveu a ex-panicat Nicole Balhs, em duas postagens distintas e que, em poucas horas, teve mais de 18 mil curtidas no Instagram.

Após a repercussão, a apresentadora chegou a editar o texto da postagem, alterando, na descrição da foto, que o registro, na verdade, teria sido feito na segunda-feira (2), e não no dia em que a deputada apresentou à Assembleia o afastamento para tratamento médico. Já na manhã desta sexta-feira, o perfil de Nicole não mais estava acessível, apesar de a ex-panicat ter três milhões de seguidores.

Por meio de sua assessoria de imprensa, a deputada Thaíse Guedes explicou que, em seu pedido de afastamento, não disse estar enferma ou acometida por alguma moléstia grave. Ainda segundo a assessoria, o pedido de licença foi apresentado para que Thaíse possa realizar alguns exames médicos, necessários desde o período em que foi diagnosticada com meningite, à época da adolescência.

A assessoria reforçou, ainda, que o registro com a famosa modelo foi feito na segunda-feira, e não na terça, como chegou a ser anunciado. A Mesa Diretora da ALE, por sua vez, confirmou que o pedido de afastamento foi apresentado na terça-feira, mas só foi lido em sessão plenária no dia seguinte.

fonte:Gazetaweb

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *