Ifal de Marechal Deodoro proíbe trotes a calouros

csm_trote_agenciaflick_54b2c5db80O Instituto Federal de Alagoas (Ifal) anunciou mais uma medida de combate ao bullying dentro das escolas. Desta vez, o campus Marechal Deodoro proibiu a realização de trotes a calouros, a exemplo do que já acontece no campus Maceió. A medida quer evitar situações de constrangimento aos novos alunos da instituição.

Na portaria divulgada nesta segunda-feira (22), a Direção-Geral do Ifal – Marechal Deodoro proíbe expressamente qualquer tipo de situação que ridicularize alunos novatos, inclusive a utilização de pinturas, banho de ovos, fantasias e demais produtos que possam causar constrangimentos. Quem desrespeitar a portaria pode ser advertido, suspenso e até expulso da instituição, a depender da gravidade da situação.

A medida, porém, incentiva a realização de eventos culturais de recepção aos novos alunos. “Queremos incentivar ações culturais que sejam pautadas pelo respeito e solidariedade dentro do nosso campus. Os alunos que já estão há mais tempo na instituição têm muito a contribuir com aqueles que estão entrando agora. Somos todos um único instituto e não há razão para hostilidades”, diz a diretora-geral do campus Marechal Deodoro, Marília Góis.

O Ifal – Marechal Deodoro está recebendo este ano 240 novos alunos nos cursos técnicos de Guia de Turismo e de Meio Ambiente, além de 40 novos alunos aprovados pelo Sisu para o curso superior de Gestão Ambiental.

Fonte: Ascom/Ifal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *