quarta-feira, 12 de dezembro de 2018
Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3

Barulho do megafone derruba helicópteros e ‘mata’ marqueteiros em Alagoas

Faz barulho aí, gente! Olha o Rodrigo passando”!! Grita o locutor, de cima de um mini trio elétrico.

Gente, esse Estado não tem dono. A gente precisa reagir. A gente precisa lutar. Chega de tantos escândalos, de tanta corrupção, de tanto descaso. Alagoas tem jeito e é cada um de nós que tem essa responsabilidade”, conclama Rodrigo, geralmente acompanhando de JHC e utilizando o estranho som do megafone, aparelho que a juventude, base dos votos do tucano, desconhece.

Que barulho é esse?
O barulho horrível do megafone de Rodrigo deveria desaparecer frente ao glamoroso tutututututututu dos helicópteros utilizados por Renan CalheirosBenedito de Lira e Maurício Quintella.

A diferença que separa o joio do trigo, neste comparativo, é tão somente a relação de proximidade do ver e ouvir a voz do candidato, através do megafone, enquanto os apressados passageiros disputam o sobe e desce, aqui e acolá.

Rodrigo vai vencer porque escolheu o contato direto com o eleitor. É do barulho chato do megafone que o eleitor, da porta de casa, pergunta: quem é esse rapaz? E alguém diz: é o Rodrigo Cunha, candidato a senador.

Talvez esteja aí a diferença que o coloca na liderança, segundo a pesquisa Ibope divulgada ontem, na pergunta espontânea (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos). 

O resultado foi o seguinte:

·  Rodrigo Cunha (PSDB): 20%

·  Renan (MDB): 15%

·  Benedito de Lira (PP): 9%

·  Mauricio Quintella (PR): 5%

·  Prof. Cícero Albuquerque (PSOL): 1%

·  Flavio Moreno (PSL): 1%

·  Flávia Melo (PCO): 0%

·  Sergio Cabral (PATRI): 0%

·  Osvaldo Maciel (PCB): –

·  Branco/ Nulo: 27%

·  Não sabem ou preferem não opinar: 53%

Rodrigo tem mais que o dobro de intenção de Benedito de Lira e mais que a soma de Renan Calheiros e Maurício Quintella

Diz o Ibope:
“O objetivo de uma pesquisa eleitoral não é antecipar os resultados da eleição, mas sim o de mostrar o cenário no momento em que foi realizada. A pesquisa é uma fotografia do momento e não tem o poder e nem a intenção de prever o resultado de uma eleição. Por isso, seus resultados não podem ser usados para prever o resultado das urnas”.

O que eu digo:
Marqueteiros, arruma as malas aê.

Sobre WebRádio Juventude

Verifique isso

PREFEITO CACAU DECRETA LUTO OFICIAL PELO FALECIMENTO DE DONA LEDICE CAVALCANTE

Prefeito Cacau decretou luto oficial de de um dia em sinal de profundo pesar pelo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*