sexta-feira, 28 de julho de 2017
Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3

Su Tonani decide não processar José Mayer após acusar o ator de assédio sexual

Figurinista decidiu não levar o inquérito adiante ao comparecer à defensoria pública

Su Tonani decidiu não levar adiante o inquérito contra José Mayer após acusar o ator de assédio sexual nos bastidores da novela “A Lei do Amor”. Após faltar a três convites e uma intimação na 32ª Delegacia de Polícia, na Taquara, Zona Oeste do Rio de Janeiro, a figurinista foi à Defensoria Pública do Estado e resolveu não processá-lo. “Considerando as diversas mensagens recebidas originárias desta delegacia visando a possível apuração dos fatos, informa que não deseja representar criminalmente em face de José Mayer”, diz o documento assinado pela defensora pública Arlanza Rebello.
‘TENHO MESMO QUE IR?’, PERGUNTOU SU TONANI Ao receber uma ligação de um inspetor de polícia, a figurinista chegou a perguntar se precisava mesmo comparecer ao local. ”Eu tenho mesmo que ir?”, questionou a profissional. Em abril, a revista “Veja” disse que Susllem Meneguzzi Tonani não estava disposta a formalizar a denúncia contra o ator, destaque na mídia internacional após a acusação feita pela figurinista em um blog do jornal “Folha de S.Paulo”. Su Tonani acusou Mayer de lhe passar “cantadas” e de ter passado a mão nas suas partes íntimas. ATOR FOI AFASTADO DE NOVELA Depois da denúncia vir à tona, José acabou ficando de fora do elenco da novela “O Sétimo Guardião”, prevista para estrear em 2018, na faixa das nove. “A Globo decidiu não escalar José Mayer para a próxima novela das nove de Aguinaldo Silva, prevista para ir ao ar em 2018. Essa é uma atitude isenta e responsável da Globo de não dar visibilidade a uma das partes envolvidas numa questão que é visceralmente contra tudo que a Globo acredita. E não é uma atitude isolada”, disse Carlos Henrique Schroder, diretor geral da emissora carioca. JOSÉ MAYER ADMITIU ASSÉDIO CONTRA SU TONANI: ‘ERREI’ um pouco antes de ser afastado da trama sucessora de “O Outro Lado do Paraíso”, substituta de “A Força do Querer”, o ator admitiu o assédio em carta escrita por uma assessoria de imprensa contratada por ele. “Minhas brincadeiras de cunho machista ultrapassaram os limites do respeito com que devo tratar minhas colegas. (…) Eu errei. Errei no que fiz, no que falei, e no que pensava”, afirmou.
Fonte: Pure People

Sobre WebRádio Juventude

Verifique isso

Marcelo Rezende desabafa sobre abandonar tratamento: “Cada passo é orientado por Ele”

Marcelo Rezende decidiu aproveitar seu perfil oficial no Instagram para dividir com os fãs um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*